Seguidores

Pesquisar neste blogue

Vigilante - Arcade Review - Por: Old Game Master:

Loading...

terça-feira, 30 de setembro de 2008

PANZER DRAGOON- REVIEW:

PANZER DRAGOON, WHERE YOU CAME FROM?



A HISTÓRIA DE UM GRANDE CLÁSSICO DA SEGA

Panzer Dragoon é um Rail Shooter lançado para Sega Saturn em 1995, e pouco mais tarde para PC, e esta disponível como jogo extra em Panzer Dragoon Orta para o Xbox. O jogo conta a história de Keil Fluge, um membro de uma tribo de caçadores, um dia durante sua caçada, ele separa-se do grupo e acaba presenciando uma luta entre dois guerreiros e seus Dragões, Em cada Dragão estava um guerreiro, cada um representando um Clan, a luta travada era entre um membro do Clan dos Dragões Azuis contra um membro do Clan dos Dragões Negros. Oguerreiro do Clan dos Dragões Azuis é mortalmente ferido em batalha e antes de morrer, ele confia a missão de impedir o guerreiros do Clan dos Dragões Negros, além da missão Keil toma posse de Solo Wing, o Dragão . Keil agora é o único capaz de deter a ameaça dos Dragões Negros, de reativar as ruínas de uma antiga civilização e um poder capaz de dominar todo o mundo. Panzer Dragoon veio numa época em que o Sega Saturn no Japão, com seus sistema 32 bits e concorrente direto do Playstation da Sony, já havia lançado no mercado um de seus games de grande sucesso, que foi Virtua Fighter. Pela primeira vez na história dos videogames no Japão um jogo era vendido na proporção de 1 para 1. Ou seja, como no Japão os consoles eram vendido, não vinham com um jogo brinde. As empresas faziam isso, para fazer uma estimativa de quantos jogos eram vendidos para o console. Naquela época todos que compravam um Sega Saturn compravam também um CD.

O jogo Panzer Dragoon foi o que alavancou novamente as vendas do Sega Saturn no Japão, já que neste tempo, o Saturn não havia lançado um jogo, capaz de utilizar-se de toda capacidade do console. Panzer Dragoon tinha uma abertura bem trabalhada, sem granulações ou os bonecos poligonais (Parecia muito mais um CG). Ele tinha uma qualidade não somente gráfica, mas de som e jogabilidade muito semelhante aos Arcades. Com gráficos poligonais texturizados ( com efeitos de zoom e rotação bem sincronizados) com cenários de fundo que pareciam digitalizados e som e efeitos sonoros monstruosos. A Sega havia acertado a mão em Panzer Dragoon. Talvez já visando o Mercado Americano, a linguagem dos personagens não está nem em Inglês ou em Japonês, mas numa espécie de dialeto alienígena. Pouco mais tarde e após o lançamento de Panzer Dragoon uma versão para o Windows PC foi lançada, e em 2006 a equipe da Sega no Japão, lançou uma versão para o PlayStation 2 na coletânea: Sega’s “AGES 2500”. Ao contrário da versão XBOX a versão PC lançou como disco bônus o game Panzer Dragoon Horta. Uma das maiores influências artísticas para o game Panzer Dragoon foi através do trabalho de: Moebius’ (Jean Giraud) e de seu HQ Arzach, que foi criado por este artista Francês. Moebius’ e seu trabalho foram essenciais para todo o processo gráfico do Team Andromeda ( equipe responsável por Panzer Dragoon) graças aos seus desenhos e art works.

(CLIQUEM NAS IMAGENS PARA AMPLIAR):

BOX E MÍDIAS: SEGA SATURN






















BOX E MÍDIAS VERSÃO WINDOWS:






















Galeria de Imagens:Cliquem nas imagens para ampliar:


Panzer Dragoon Original Sound Track:
Abaixo podemos conferir que Panzer Dragon não era só jogo, mas rendeu também um álbum com sua trilha sonora original.


MAS O QUE É UM "RAIL SHOOTER" AFINAL?:

Muita gente pode ficar na dúvida sobre o gênero deste jogo, e como o objetivo deste review vai além de relembrar e contar a história de Panzer Dragoon, vamos esclarecer os leitores sobre o que é um Rail Shooter. Como sabemos cada jogo é dividido por seu tipo ou gênero, cada jogo poder ter um ou mais gêneros, e estes gêneros possuem suas subdivisões.

O Rail Shooter é uma divisão do Shoot 'em up ( Shump como é abreviado). Tudo começou com uma outra subdivisão chamada de Tube Shooters onde o jogador tinha uma perspectiva de movimento single axis nas beiradas da tela e seguindo adiante "tube" ( ou tubo) dava a ilusão também como se a nave ou o personagem estivesse dentro de um tubo ou cano propriamente dito . Este estilo começou com o jogo:Tempest da Atari mas ficou mais popularizado com o título: Gyruss.Os Rail Shooters obviamente ultrapassaram este subgênero graças a um perpectiva tridimensiona, rail (trilhos) diferente do tube (tubo ou cano) dá uma perpesctiva de visão ao jogador como se ele estivesse atrelado aos trilhos de um trem devido a sua movimentação, e de onde vem a genealogia e etimologia deste subgênero dos games. embora neste estilo o jogador também tenha uma movimentação para frente, como se ele pudesse ir para o fundo da tela, o estilo impõe uma limitação de desvio á ataques surpresas. Podemos citar ainda mais títulos semelhantes aos subgênero de Panzer Dragoon como Rez e Star Fox.
EXEMPLOS: (CLIQUEM NAS IMAGENS PARA AMPLIAR):





















SPACE HARRIER E PANZER DRAGOON:
Embora em toda sua concepção e abordagem o título Panzer Dragoon seja totalmente original, é inevitavel muitos gamers não associarem Panzer Dragoon á Space Harrier (outro título da Sega, inicialmente para Arcade edepois para Master System, Mega Drive, 32X e para coletânea SEGA AGE'S 2500 - PS2 e outras plataformas). A Sega pensando nisso introduziu um modo Space Harrier no Jogo (Confira nossa parte de Dicas do jogo do Sega Saturn).

Com base nestes elementos, muitos grupos de discussão estabelecem diversas teorias sobre ambos os jogos. Alguns afirmam que a idéia original era refazer Space Harrier para Saturn, outros negam dizendo que este título teve sua chance no 32 X e não emplacou. Outros ainda estabelecem a teoria que ambos os títulos teriam alguma ligação em suas histórias, culminando para um jogo só, mas as histórias e personagens de ambos são completamente distintas.

Mas não podemos negar que cada título marca a originalidade e a capacidade da Sega desua busca constante de inovação e procurando á todo custo resgatar um público que já estava deixando os consoles da empresa e procurando outra plataforma, mas isso já é uma outra história.






Dicas: Versão Sega Saturn: (Cliquem na imagem para Ampliar) :
Panzer Dragoon - Por: Game Master:

O saudosismo da era da SEGA por parte de muitos jogadores de videogame, não é um sentimento derivado do fim da empresa como fabricante de consoles (Visto que ela existe até hoje como uma Publisher)., mas sim pela sua capacidade única de surpriender e inovar em seus títulos. Quando a gente ouvia que a SEGA havia inovado em algum título, a gente podia comprar aquele jogo de olhos fechados, por que tinha valor e mesmo sendo ou não derivado de um sucesso mais antigo, já era aclamado pela maioria como CLÁSSICO.

E é exatamente este o título que Panzer Dragoon e todos os títulos merecem com honra e mérito, jogos clássicos que atravessam gerações.

Lendo uma entrevista de seu criador, Yukio Futatsugi:

http://www.1up.com/do/newsStory?cId=3162620

Em que ele desabafa o quanto os jogos de ação estavam ficando fora de moda, mas que ainda conseguem conquistar uma legião de fans e do quanto ele pode não ser um programador tão reconhecido como tantos, mas que deu o seu melhor e usou e abusou da capacidade do Sega Saturn, sem precisar de expansões, a gente se pergunta: "Será que os programadores de hoje estão dando seu melhor e usando todos os recursos dos videogames e tecnologia?"

Panzer Dragoon Apareceu numa época em que o Sega Saturn precisava de bons jogos para se manter no mercado de videogames e jogos. Apostando numa base sólida e inspirado em outro grande sucesso do passado Futatsugi conseguiu criar um título excepcional. O Saturn pode ter saido de linha, mas os jogos e a memória de Panzer Dragoon e sua saga ressurgem de tempos em tempos.

Sempre quando faço um review de jogos eu procuro mostrar as pessoas a raíz de onde tudo começou e a receita de bons jogos e seus elementos. Se os programadores tivessem uma preocupação em não olhar somente os lucros ( que é apenas uma consequência de um bom trabalho) e seguissem esta filosofia de Futatsugi, em dar o seu melhor e usar toda capacidade e tecnologia de um console, repetiriamos os feitos não só de Panzer Dragoon, mas de muitas outras franquias esquecidas, mas de grande valor.

Não estamos atravessando a mesma crise nos consoles como na época do Saturn, porém existe uma carência de originalidade, competência e comprometimento nos atuais trabalhos. Resta esperar que um ou mais Futatsugis apareçam.

1 comentário:

Pedro Oliveira disse...

Simplesmente a matéria mais linda e completa que já lí sobre o PANZER DRAGON!
Velhos tempo do meu querido Saturno!
SInto saudades dele!

Poderia fazer um review do Dreamcast, meu Console preferido, inclusive, faz parte de minha coleção e tem um lugar privilegiado diante dos meus outros consoles mais atuais, XBOX 360 =)

ABraço!