Seguidores

Pesquisar neste blogue

Vigilante - Arcade Review - Por: Old Game Master:

Loading...

sábado, 11 de outubro de 2008

Dragon Fire - Review

Dragões invadiram seu reino... e agora?
É hora do Príncipe sair do trono e mostrar que é valente...


Era uma vez, um princípe boa vida, que passava o dia todo sentado em seu trono ( não, ele não passava o dia no banheiro) até que um dia rumores que um horda de dragões estava assolando os reinos vizinhos causando caos e destruição e o mensageiro real disse que eles estavam indo na direção de seu reino. O príncipe pensou;"Bah! meus guardas podem dar um jeito nisso..."

Mas bastou o primeiro ataque dos Dragões e todo o exército do príncipe foi reduzido a cinzas. Os Dragões então começaram uma onda de ataques e saques em todo o reino e todos os tesouros e objetos de valor do reino e do príncipe foram roubados e vigiados pelos Dragões. Não restando mais ninguém que pudesse dar um jeito nos Dragões, restava então o príncipe arregaçar as mangas e livrar seu reino desta ameaça, e claro recuperar os tesouros que eram seus por direito.
Esta é a história de Dragon Fire feito pela Imagic para o Atari VCS 2600 e consoles similares da Sears, trata-se de um jogo muito simples consistindo por apenas duas telas. A primeira tela o príncipe precisa atravessar a ponte que leva ao interior do Castelo e desviar as bolas de fogo atiradas pelo Dragão que esta dentro do castelo guardando o tesouro. Nesta hora o que conta é a agilidade pois é preciso abaixar-se das bolas de fogo atiradas para cima e pular as que vem por baixo. Quando você consegue passar esta primeira fase, você estará dentro do castelo em uma das salas, repletas de tesouros dispostos em algumas partes e claro um dragão na parte inferior da tela que o fica perseguindo freneticamente atirando bolas de fogo. Aqui assim como em todo o jogo é preciso agilidade para desviar das bolas de fogo, mas nesta parte é preciso correr e coletar todos os tesouros da sala sem ser atingido. Quando consegue pegar o ultimo item, um saída nova se abre, e tudo recomeça, porém com uma dificuldade e veleocidade maior quea anterior, se for atingido sete vezes ( número de vidas do príncipe) é game over na certa.

Nossa Avaliação:
Box Scans:

Box do Dragonfire podem ver que não tem descrição atras de como era o jogo, talvez pelo jogo ser bem simples ( mas não fácil) acho que as duas imagens já descreviam o jogo por si só.


Dragonfire: Por: Cláudia Maria - "Claudinha do Atari":

"Joguei muito Dragonfire na época do Atari e até hoje de vez em quando me "desafio" neste jogo fantástico. Como foi dito, a dificuldade deste jogo é gradativa, ou seja ela vai aumentando conforme as fases vão passando, e é exatamente por isso que Deagonfire é tão divertido, mesmo tendo a limitação de duas telas, é a sua dificuldade que instiga o jogador a querer ir mais e mais longe.
Semana passada estava tentando joga-lo novamente e eu vi o quanto estava "enferrujada" (rsrsrs), mas de contra partida voltei no tempo e me recordei da época em que começie a joga-lo. Jogos simples eram toda magia do Atari ."

1 comentário:

Henrique disse...

Bom review.
Mostra que quando o desafio é gradativo,chama mais a atenção dos jogadores.

Na avaliação,quando vi D&D,pensei logo : Dungeons and Dragons.

Dica de um novo review? :P

No mais,bem vindo ao time !!!